Entidades organizam ATO pelo DIREITO DE GREVE. Participe!

Data: 
Seg, 25/06/2012 - 19:00

Localização

Faculdade de Direito da USP
Largo São Francisco,
São Paulo, SP 01005-010

O Sindicato dos Metroviários de São Paulo e várias outras entidades sindicais, políticas e populares estão organizando um ato público em defesa do direito de greve. Ele será realizado no dia 25 de junho, a partir das 19 horas, no Largo São Francisco (Faculdade de Direito da USP), região central de São Paulo. 



O ato vai contar com as presenças de Jorge Souto Maior (professor associado da Faculdade de Direito da USP) e de Francisco Gérson Marques de Lima (procurador regional do trabalho do Ceará, membro do Conalis – Coordenadoria Nacional de Promoção da Liberdade Sindical e professor adjunto da Universidade Federal do Ceará).

A mais recente greve dos metroviários de São Paulo sofreu grandes ataques do governo estadual, da justiça do trabalho e de parte da imprensa. Entidades patronais, Ministério Publico e o Metrô estão acionando a justiça para que o Sindicato pague multas astronômicas em razão da greve.

Na verdade, todas as greves da área de transporte no País vêm sendo atacadas, com mentiras e calunias que preparam terro para açõe juridicas contra as entidade e os trabalhadores.

É preciso lutar para garantir o direito de greve. Os governos federal e estadual e setores do judiciário trabalhista já deixaram claro que não querem que os metroviários e outros trabalhadores tenham o direito de preservar seus direitos.


Participe!