Levante Popular da Juventude de Salvador realiza II Acampamento Municipal "Carlos Marighella"

por Centro Cultural Expressão Popular

Intitulado "Carlos Marighella", o II Acampamento Municipal do Levante Popular da Juventude de Salvador, será realizado nos dias 12 e 13 de abril e vai contar com a participação de mais de 300 jovensda capital baiana.

Durante o encontro serão realizadas oficinas de grafite, dança, break, capoeira, teatro, stencil, entre outras. Hugo Pacotinho, militante do movimento, destaca alguns temas que serão debatidos na atividade: "Faremos um balanço político dos 50 anos do golpe militar, é preciso que os jovens compreendam porque esse tema é importante em nossas vidas, os mesmos que mataram e torturaram na ditadura são os que exterminam a juventude negra e pobre em nosso país. Enfrentaremos os desafios da organização da juventude em Salvador e a luta pela constituinte sobre o Sistema Político".  

O Levante Popular da Juventude organiza jovens da cidade, do campo, de universidade públicas, particulares, escolas e bairros. A estudante de ciências sociais, Elen Rebeca, milita no Levante e é também diretora do DCE-UFBA e da União dos Estudantes da Bahia, ela destaca a importância da organização dos estudantes no Acampamento, "É preciso apontar a necessidade da organização dos estudantes, não só dentro do Levante Popular da Juventude, como também no movimento estudantil geral para enfrentarmos de forma coletiva os problemas vividos na universidade, principalmente a falta de assistência estudantil e política de permanência. Estudar é um direito da juventude." 

O II Acampamento municipal é parte das ações preparatórias para o II Acampamento Nacional do movimento, que se realizará entre os dias 17 e 21 de abril em São Paulo, "No I Acampamento Nacional fomos em um ônibus com 42 militantes, agora, 2 anos depois, vamos para o II Acampamento com 10 ônibus, quase 500 militantes jovens de todo canto da Bahia. Resultado de muito trabalho e ação concreta", diz Elen. "Nosso principal desafio no II Acampamento Nacional será organizar o Levante para massificar a pauta da Constiuinte.  Nos lugares em que chegamos com o Plebiscito Popular estamos tendo adesão. Na Bahia estamos com 17 comitês, agora lançaremos outro comitê local em Sussuarana, bairro da periferia de Salvador,através de trabalho iniciado pelo Levante. O que estamos percebendo é que o povo quer debater o poder, porque quer o poder, a juventude tem papel fundamental nessa tarefa" finaliza Hugo. 


O quê? Acampamento Municipal "Carlos Marighella" do Levante Popular da Juventude Salvador

Quando? 12 e 13 de abril

Local? Colégio Central - Salvador