Paraná

NOTA DA CONSULTA POPULAR DO PARANÁ

Com imensa tristeza a organização Consulta Popular e seus militantes lamentam pelo falecimento de Guilherme Afonso Cabral Nunes, na tarde de ontem (18), filho dos queridos lutadores do povo Leonel e Luzia Nunes. Com apenas 18 anos, "Gui" já acompanhava os pais nas lutas desde muito cedo, nas reuniões de núcleo de nosso instrumento, nas distribuições de jornais, em tantas atividades. Jovem generoso e de muito talento, estará sempre na memória. Gui é semente. Cabe a nós lutarmos e seguirmos lutando pra que os sonhos e aspirações da sua geração sejam concretizados.

Terceirização é precarização

 

 

A crítica ao PL 4330 deve estar inserida na crítica geral às terceirizações. Não se regulamenta o que desconstrói. Não se aceita o inaceitável.

 

por Pedro Carrano

Contra a repressão, Constituinte é a solução!

 

Por Lucas Pelissari, militante do Levante Popular da Juventude e da Consulta Popular de Curitiba.

 31 deputados paranaenses, aliados ao governo tucano e fascista de Beto Richa, colocaram a realidade à tona: o Brasil precisa urgentemente de uma Constituinte Exclusiva para reformar o sistema político

 

 

NOTA DA CONSULTA POPULAR EM APOIO À LUTA DOS PROFESSORES E SERVIDORES PÚBLICOS ESTADUAIS NO PARANÁ

 

 

Os eventos da última semana e, em especial, os fatos ocorridos nesta quarta-feira, 29 de abril de 2015, são representativos de como a burguesia paranaense pretende tratar a classe trabalhadora do estado.As bombas, cacetetes e mordidas de cachorros a que os professores estaduais e todos os servidores públicos do Paraná foram submetidos, ao lado de ampla parcela da população que com eles se solidarizou, marcam um dia histórico para a luta do povo do Paraná contra a privatização do estado e os avanços da direita.

A esquerda e as lutas necessárias

 

 

 

O caminho passa pelo fortalecimento da Constituinte e de um programa popular.

Vivemos um momento de ascensão das lutas sociais, quando os trabalhadores passam a ver na mobilização uma saída para a resolução de seus problemas. Este movimento não inicia com junho de 2013, mas é bom lembrar que o número de greves no país já havia passado de cerca de 300 greves, em 2004, para mais de 900, em 2013.

O Paraná em transe


 

Greve dos professores e do funcionalismo estadual abre período de desgaste do governo Beto Richa (PSDB) e ampliação das lutas sociais no Paraná.

por Pedro Carrano, diretor do Sindicato de Jornalistas do Paraná.

Do pão à organização - Campanha Plebiscito pela Constituinte `Paraná 2014

Do pão à organização - Campanha Plebiscito pela Constituinte `Paraná 2014