Rio Grande do Sul

A nova cara da Direita e a superação do direitismo

Lúcio Centeno* – Consulta Popular  

 A vitória esmagadora da candidatura de José Fortunatti à Prefeitura Municipal de Porto Alegre já subsidiou várias análises que apontaram para os limites que a Esquerda vem enfrentando na cidade, que até então era referência internacional de experiências pós-neoliberais. Contudo, do pleito municipal de 2012 é possível extrair mais do que lições sobre contexto político regional. A configuração que as forças de Direita assumiram em Porto Alegre pode servir de prenúncio do que virá na conjuntura nacional.

Homenagem aos “Pracinhas” no 18ª Grito dos Excluídos

 

Homenagem aos “Pracinhas” no 18ª Grito dos Excluídos

 

 

Na manhã do dia 7 de setembro, em Porto Alegre, os movimentos sociais foram às ruas com suas bandeiras, denunciando um modelo que produz excluídos/as ao mesmo tempo em que comemora uma falsa independência brasileira, tendo como lema “Queremos um Estado a serviço da Nação, que garanta Direitos a População”, tema da 5ª Semana Social Brasileira.   

Atos mobilizam centenas pela memória, verdade e justiça no RS

 

Atos mobilizam centenas pela memória, verdade e justiça no RS

MANIFESTO DE REPÚDIO AO GOLPE E EM DEFESA DA DEMOCRACIA NA AMÉRICA LATINA

PROTOCOLADO NO CONSULADO DO PARAGUAI, EM PORTO ALEGRE, MANIFESTO DE REPÚDIO AO GOLPE E EM DEFESA DA DEMOCRACIA NA AMÉRICA LATINA

 

Na tarde de quarta-feira (15 de agosto), o Fórum em Defesa da Soberania da América Latina realizou ato de protesto em frente ao Consulado do Paraguai, em Porto Alegre.  

Uma comissão formada por parlamentares, o representante da Ordem dos Advogados do Brasil/RS, Rodrigo Bueno Prestes e demais representantes dos movimentos e entidades gaúchas entregou ao Vice – Cônsul, Humberto Rodriguez, um manifesto com centenas de assinaturas de repúdio ao golpe ocorrido naquele País. Após  assinar o protocolo de recebimento Rodriguez comprometeu-se a encaminhar o documento para o atual presidente Federico Franco e às demais autoridades competentes do Paraguai.

 

Também estiveram no ato os jovens do Levante Popular da Juventude, o Movimento dos Trabalhadores Desempregados e a Consulta Popular, reafirmando o compromisso de lutarmos pela soberania nacional, assim avançando na construção de um Projeto Popular para resistirmos a ofensiva do imperialismo!

Localização

Rio Grande do Sul
Brazil

Tarso anuncia nomes da Comissão Estadual da Verdade

Samir Oliveira

 


Governador disse que comissão é um "serviço cívico" | Foto: Ramiro Furquim/Sul21

8° Acampamento Estadual do Levante Popular da Juventude

Data: 
Sex, 13/07/2012 - 09:00 - Dom, 15/07/2012 - 18:00

Localização

Santa Maria, RS

As juventudes gaúchas já estão preparadas para participar do 8° Acampamento Estadual do Levante Popular da Juventude. Assim como nos anos anteriores, a atividade será realizada em paralelo à 8ª Feira de Economia Solidária do Mercosul e à 19ª Feira Estadual do Cooperativismo (Feicoop). Os eventos ocorrerão de sexta-feira (13) a domingo (15), em Santa Maria, município do Rio Grande do Sul, Brasil.

Acampamento Estadual do Levante da Juventude reunirá cerca de 500 jovens em Santa Maria (RS)

As juventudes gaúchas já estão preparadas para participar do 8° Acampamento Estadual do Levante Popular da Juventude. Assim como nos anos anteriores, a atividade será realizada em paralelo à 8ª Feira de Economia Solidária do Mercosul e à 19ª Feira Estadual do Cooperativismo (Feicoop). Os eventos ocorrerão de sexta-feira (13) a domingo (15), em Santa Maria, município do Rio Grande do Sul, Brasil.

Fonte: 

Karol AssunçãoJornalista da AditalAdital

Levante Da Juventude Realiza ações de denúncia a tortura na cidade de Santa Maria- RS

Em Santa Maria (RS), houve uma série de colagem de cartazes pela cidade para denunciar os tempos da ditadura civil-militar brasileira. A atividade procurou problematizar junto à população a necessidade de instauração da Comissão da Verdade, que vai apurar os crimes cometidos durante o período. 

EM PORTO ALEGRE, ATO CONTRA ACUSADO PELA JUSTIÇA ITALIANA

Em Porto Alegre, cerca de 100 jovens estiveram hoje às 9h da manhã em frente à casa do Coronel Carlos Alberto Ponzi, ex-chefe do Serviço Nacional de Informações de Porto Alegre e um dos 13 brasileiros acusados pela Justiça Italiana pelo desaparecimento do militante político Lorenzo Ismael Viñas em Uruguaina (RS), no ano de 1980, para exigir justiça.