artigo

|Nota de Conjuntura Nacional| Romper o cerco e passar à ofensiva: a necessidade do Projeto Popular para o Brasil

Direção Nacional da Consulta Popular

São Paulo, 18 de Agosto de 2015.

 

Adentramos um período dinâmico e complexo da luta de classes em nosso país, exigindo precisão de análise e agilidade na ação das forças populares. Este documento se propõe, como parte do esforço amplo de lutadores e lutadoras de nosso povo, a analisar a conjuntura e unificar a esquerda em torno de um projeto que possibilite romper o cerco conservador e avançar na luta pelas transformações sociais que nosso povo exige.

Encontro Mundial de Movimentos Populares começa na Bolívia

Fonte: 

|Fotos de Lidyane Ponciano

|Expressão Sergipana| A Almaviva e a precarização do trabalho da juventude brasileira

 

Tristeza e revolta comoveram Aracaju, no dia 24 de junho, na empresa de telemarketing Almaviva, onde a trabalhadora Bárbara Monique passou mal e faleceu. Colegas de trabalho afirmam que ao identificarem a convulsão, tentaram reanima-la, sem êxito. A enfermaria da empresa estava fechada, sem profissional para atender.

Redução da Maioridade é Tapar o Sol com a Peneira

Ádima Monteiro*

               O Congresso Brasileiro votou recentemente, em primeira instância, a redução da maioridade penal de 18 para 16 anos de idade e no dia 30 de junho está previsto a votação no plenário da Câmara. Para mim, essa medida não passa de uma tentativa de “tapar o sol com a peneira”, sinalizando para a sociedade que estão tomando alguma atitude diante da situação de violência e insegurança que todos vivemos. No entanto, reduzir a maioridade penal não irá reduzir a violência.

|Expressão Sergipana| A falácia da redução da maioridade penal

Na última quarta-feira (17), uma comissão especial da Câmara dos Deputados responsável por discutir a maioridade penal aprovou, por 21 votos favoráveis e 6 contrários, o relatório do deputado Laerte Bessa (PR-DF), que reduz de 18 para 16 anos a idade penal para os crimes considerados graves.

|Expressão Sergipana| É legítima e justa a luta por moradia popular!

É fora do quadrado organizado por Pirro que a bela capital Aracaju se reproduz e repete sua história de fundação, separando bem os pobres descendentes de escravos dos ricos brancos, que ainda são herdeiros dessas terras de especulação.

Fonte: 

Todas as segundas um editorial sobre as questões da conjuntura política e econômica que afetam a vida do povo brasileiro e sergipano. Cadatre-se e e receba no seu e-mail. É só preencher seu endereço eletrônico e assinar: http://eepurl.com/blGs1X

|Expressão Sergipana| As Lições da Merenda Roubada

Sergipe é um estado onde, costumeiramente, cultivam-se folclores da classe dominante, ainda que tenhamos riquezas valorosíssimas entre os dominados.

Fonte: 

Todas as segundas um editorial sobre as questões da conjuntura política e econômica que afetam a vida do povo brasileiro e sergipano. Cadatre-se e e receba no seu e-mail. É só preencher seu endereço eletrônico e assinar: http://eepurl.com/blGs1X

|Expressão Sergipana| Saúde para dar e vender?

A saúde tem sido apontada pela população brasileira como um dos principais problemas a serem enfrentados.

Fonte: 

Todas as segundas um editorial sobre as questões da conjuntura política e econômica que afetam a vida do povo brasileiro e sergipano. Acompanhem, curtam e compartilhem.

Cadatre-se e e receba no seu e-mail. É só preencher seu endereço eletrônico e assinar: http://eepurl.com/blGs1X

Jovens trancam rodovias e avenidas contra a redução da maioridade penal nesta quarta-feira (27)

Nesta quarta feira (27) jovens integrantes do movimento social Levante Popular da Juventude realizam ações de trancamento de rodovias em todo Brasil. Em Salvador, a ação ocorre no CAB, em frente a ALBA (Assembleia Legislativa da Bahia). A mobilização, convocada pelo movimento tem como principal reivindicação o fim da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 171 que prevê a redução maioridade penal no Brasil.